baner
   

  Início
large small default
Ato em Defesa da Moradia

Cadê as moradias que o Alkimin prometeu?

Neste dia 4 de fevereiro, a União dos Movimentos de Moradia de São Paulo – UMM SP está nas ruas para exigir do governo do Estado de São Paulo, que cumpra suas promessas. O Governo do Estado se comprometeu em aportar recursos para 10 mil moradias nos empreendimentos dos movimentos populares para complementar o programa Minha Casa Minha Vida Entidades em São Paulo. No mês de outubro estivemos com o governador que reiterou seu compromisso. No entanto, agora, na hora de efetivar a contratação dos conjuntos habitacionais, a Casa Paulista não deu uma resposta efetiva para os movimentos.

 

Continuar...
 
Capacitação de Lideranças para Autogestão em Habitação na RM Campinas
Escrito por UMM-SP   
Terça, 14 Julho 2015 12:25

A União dos Movimentos de Moradia, em parceria com a Cooperteto —Cooperativa Nacional da Habitação e Construção, e com o apoio da Fundação Ford realiza este “Curso de Capacitação de Lideranças para Autogestão em Habitação” com o objetivo de difundir e fortalecer a proposta da autogestão habitacional e das organizações populares que atuam nesta agenda.

O objetivo é sensibilizar e capacitar lideranças de base dos movimentos que atuam na produção habitacional autogestionária, difundir conceitos e compartilhar ferramentas e experiências entre os participantes.

Entendemos a autogestão como uma proposta política de fortalecimento das lutas populares e de organização. Além de construir moradias de melhor qualidade, queremos construir comunidades ativas e mobilizadas.

Também queremos qualificar nossa atuação e fazer propostas para a melhoria do programa Minha Casa Minha Vida Entidades, do governo federal, no sentido de reconhecer a trajetória, os princípios e a prática dos movimentos populares organizados.

O Curso é parte do Projeto “Fortalecimento e Difusão da Autogestão Habitacional” desenvolvido pela UMM-SP e UNMP e será realizado nas 5 regiões brasileiras.O curso acontece em 2 dias e será assegurado alimentação, material e certificado para todos os participantes.
Maiores informações podem ser obtidas através do e-mail: Este endereço de e-mail está protegido de spam bots, pelo que necessita do Javascript activado para o visualizar .

 
Mulheres da Moradia marcham em defesa da água e de direitos!

Mulheres da Moradia marcham, neste 8 de março, em defesa da Água, Democracia, Reforma Política, do combate todos os tipos de violência contra as mulheres. Marchamos para reivindicar políticas públicas inclusivas e democráticas e denunciar a subtração de direitos conquistados na luta popular.

 

A falta de água em São Paulo é Responsabilidade do Governador!
Participe! Dia 8 de março às 9 horas
ponto de Concentração na  Praça Osvaldo Cruz – São Paulo
Continuar...
 
Nota de repúdio contra agressão ao companheiro Dito

As entidades CENTRO GASPAR GARCIA DE DIREITOS HUMANOS, UNIÃO DOS MOVIMENTOS DE MORADIA, FRENTE DE LUTA POR MORADIA e CENTRAL DE MOVIMENTO POPULARES, através da presente nota, vêm a público manifestar desagravo e total indignação à violência e abuso de poder policial cometido contra o Advogado Benedito Roberto Barbosa  durante ação de reintegração de posse ocorrida em São Paulo em prédio ocupado pelo movimento MSTRU vinculado à Frente de Luta Por Moradia.

Dim lights Embed Embed this video on your site

Continuar...